O Gestão Financeira possui a funcionalidade de Cobrança registrada, que permite o gerenciamento dos lotes de títulos de cobrança que são enviados para os bancos mantendo o controle de remessas enviadas e que tiveram o recebimento confirmado, por parte destas empresas.


A Federação Brasileira de Bancos (FEBRABAN) anunciou a descontinuidade da modalidade de cobrança sem registro desde janeiro de 2017. Isto significa que as Empresas não podem mais possuir carteiras sem registro. Deve ser utilizado apenas carteiras com registro. Teve como "objetivo modernizar o sistema de boletos de pagamento (cobrança bancária), trazendo maior segurança e agilidade para toda a sociedade", segundo a Instituição.


Para atender as exigências da FEBRABAN o emissor deve registrar todas as informações sobre a cobrança/boletos emitidos no sistema do banco. Então, é necessário a transmissão do arquivo de remessa de cobrança registrada ao banco.


É este arquivo que registra o boleto junto à instituição financeira e fornece todas as informações da cobrança como o valor, vencimento, código do boleto, CPF ou CNPJ.


Após esta operação, o boleto passa a estar na situação de registrado, possibilitando o pagamento nas agencias bancárias.


A cobrança registrada ainda possibilita que o seu banco proteste a dívida em caso de não pagamento (com autorização do cedente - verificar contrato da conta com o seu gerente).



Os exemplos a seguir vão explicar passo a passo as etapas do processo de transação de dados entre o SIGA e o Banco. Nos quadros, as informações em negrito indicam que houve alguma alteração na situação dos títulos, comparada à etapa anterior:


  • 1º momento
    No SIGA, a instituição gera os títulos de cobrança. Como os boletos acabaram de ser gerados, eles ainda não são conhecidos pelo Banco. Esta situação é representada a seguir: 


  • 2º momento
    A instituição gera um arquivo de remessa para registrar os títulos e envia para o Banco.


  • 3º momento
    O Banco processa o arquivo recebido e no dia seguinte insere em seu cadastro os títulos.

  • 4º momento
    A instituição recebe do Banco o arquivo de retorno confirmando os registros e o importa no SIGA.

  • 5º momento
    Os títulos 3 e 4 foram pagos na instituição;
    A instituição faz um arquivo de remoção e envia para o Banco, para indicar que eles não estão mais em aberto.


  • 6º momento
    O Banco processa o arquivo de remoção recebido e remove os títulos 3 e 4 do seu cadastro.


  • 7º momento
    O Banco envia para a instituição um arquivo de retorno;
    A instituição importa o arquivo e recebe a confirmação de exclusão do registro.